Por que as LCAs e LCIs “pioraram”

Sabe quando uma coisa é boa demais para ser verdade? Nas finanças, normalmente, tudo se ajusta para deixar de ser tão bom ou deixar de ser verdade... Duas aplicações de Renda Fixa caíram rapidamente nas graças dos investidores, até que, recentemente sofreram mudanças "para pior". Estou falando das Letras de Crédito Imobiliário (LCIs) e Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs). Até recentemente, essas aplicações eram excelentes para os investidores (isenção de I.R. e IOF, carência baix...
Leia mais ›

Indicadores de Referência – DI

taxa-juros
Você sabe o que é o DI? E sabe para que ele serve? Em diversas postagens anteriores, essa indicador foi citado como base de remuneração de investimentos como CDB, LCI e LCA. Em função do movimento diário de saques, depósitos, pagamentos, aplicações, resgates, etc, os bancos tem que fazer "fechar a conta" no final de cada dia e, assim como as pessoas recorrem às linhas de crédito pessoal, os bancos recorrem a outros bancos. Esse "socorro", é feito através da emissão de CDIs (Certificados d...
Leia mais ›

LCA – Letra de Crédito do Agronegócio

LCA
Seguindo a abordagem sobre os tipos de investimentos, após abordarmos os fundos de investimento e os CDBs, hoje vamos abordar um investimento recente e que tem agradado muito os investidores: a LCA - Letra de Crédito do Agronegócio. A LCA é um título emitido por bancos que trabalham com operações de crédito rural (por isso o nome) e pode ser comercializada por bancos ou corretoras. Esses títulos possuem lastro em operações rurais dos bancos emissores. A garantia desses investimentos é dada pel...
Leia mais ›

Qual a aplicação mais segura?

Como garantir que meu dinheiro está seguro? Essa aplicação tem risco? E se o banco quebrar? São algumas das dúvidas mais frequentes dos poupadores. Vamos começar explicando os três aspectos principais de um investimento: 1) Liquidez: Facilidade de resgatar os recursos. Quando há uma carência para o resgate por exemplo, há menor liquidez no investimento; 2) Risco: A probabilidade de perder parte ou o total do dinheiro aplicado; 3) Retorno: Rendimento da aplicação. Nenhuma (mesmo) aplicação vai...
Leia mais ›