O que são ETFs

Recentemente, em uma palestra, fui questionado sobre os ETFs. Vamos abordá-los em nossa postagem de hoje. A sigla ETF refere-se a Exchange Traded Funds (Fundos de Índice comercializados como ações). Na prática, são cotas de fundos de investimento que buscam acompanhar um determinado indicador (Ibovespa - BOVA11, Índice Carbono Eficiente - ECOO11, entre outros). Diferentemente dos fundos tradicionais, as cotas dos ETFs são negociadas na Bolsa de Valores, como se fossem ações. Fazendo um...
Leia mais ›

Horizontes de Investimento

Sempre que pensamos em aplicar um valor, queremos saber qual a melhor aplicação. Como já tratamos anteriormente, não existe a melhor aplicação, mas, sim, aquela mais adequada ao seu perfil e ao seu horizonte de investimento. Vamos ver um pouco mais sobre horizonte de investimento? De uma forma geral, trabalhamos com 3 horizontes de investimento: Curto Prazo, Médio Prazo e Longo Prazo, conforme abaixo: Curto Prazo: Geralmente utilizado para valores com perspectiva de utilização em até ...
Leia mais ›

O que são BDRs?

Você tem vontade de investir em ações negociadas no exterior? Isso é possível através de um instrumento chamado BDR (Brazilian Deposit Receipt - Certificado de Depósito Brasileiro), regulamentados pela Instrução CVM nº 332, de 04 de abril de 2000. Esses títulos são acessíveis de forma indireta, a partir de fundos de investimento. Alguns fundos, inclusive, com aplicações iniciais muito baixas (ex: R$ 200,00). Ok, mas o que são os BDRs? O BDR é emitido por instituições financeiras bras...
Leia mais ›

Renda Fixa x Renda Variável

PQ_20140826144027bonequinho_lupa
Uma dúvida muito constante entre os aplicadores, quando vão escolher onde colocar o seu dinheiro, é a diferença entre Renda Fixa e Renda Variável. Você sabe a diferença? Renda Fixa A renda fixa possui esse nome, pois, ao fazer a aplicação, o investidor receberá juros por sua aplicação. Esses juros podem ser prefixados (quando a taxa da remuneração é combinada no momento da aplicação) ou pós-fixada (quando o combinado são os critérios de remuneração). Como exemplo de renda fixa, temos LCA, L...
Leia mais ›

Nova classificação dos fundos de investimento

fundos_de_investimento
No dia 01 de julho de 2015 entra em vigor a Nova Classificação ANBIMA* de Fundos de Investimento, definida pela Instrução nº555 da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). Essa nova classificação tem como objetivo facilitar a escolha do fundo mais adequado para cada investidor. Vamos ver como ficou? No primeiro nível, temos a classificação conforme a classe de ativos: Renda Fixa, Ações, Multimercado e Cambial. No segundo nível, temos o tipo de gestão e riscos envolvidos, podendo ser:, ...
Leia mais ›

Qual seu perfil como investidor?

images
Olá! Tenho tratado nesse blog sobre algumas opções de investimento. Mas você sabe qual a mais adequada para o seu perfil? Existe uma classificação de perfil de investidor. Sempre que um dinheiro é aplicado, há três fatores que devem ser levados em consideração: 1) Rentabilidade: Quanto você recebe pela aplicação 2) Liquidez: A facilidade de resgate e a disponibilidade do dinheiro aplicado 3) Segurança: Está relacionada ao risco de perda de parte ou do total do valor aplicado O perf...
Leia mais ›

Mercado de Capitais – Ações

Prezados leitores, Hoje vamos abordar um tipo de investimento que não é exclusivo dos bancos, mas é muito importante para a economia. Vamos abordar as ações Trata-se de um assunto extenso e que não tenho a pretensão de esgotar nessa postagem. Ao longo do tempo, ele será novamente abordado para que possamos tratar de suas diversas características. Para isso, é importante saber quais são suas dúvidas para que elas sejam abordadas em momento oportuno. As ações fazem parte do mercado de capitais,...
Leia mais ›