Vale a pena usar o cartão de crédito?

Prezados(as)!

No dia 06/08/14, o Senado aprovou o projeto de Decreto Legislativo 31/2013, que revoga a Resolução 34/1989 do Conselho Nacional de Defesa do Consumidor (1989 é o ano em que a resolução foi escrita). Essa resolução proibia a diferenciação de preço entre pagamentos em dinheiro e cartão de crédito. O texto será encaminhado à Câmara dos Deputados para apreciação antes de entrar em vigor.

Essa proposta reacende uma discussão muito interessante: Vale a pena utilizar o cartão de crédito nas compras? Vamos considerar a situação atual, sem a aprovação desse projeto.

Vantagens:

1) Prazo para pagamento: As compras efetuadas no cartão de crédito vão ter um prazo para pagamento de, pelo menos 10 dias (podendo chegar a 40 dias, pela média dos cartões). Assim, se você aplicar o valor da compra em uma aplicação de rentabilidade diária (exceto poupança), tem rendimento diário até o pagamento da fatura do cartão;

2) Programas de pontos: A maioria dos cartões de crédito possuem programas de acumulação de pontos para trocas por produtos, descontos em anuidades, milhagens, etc;

3) Organização de despesas: Permite que você visualize em um único documento (para cada cartão de crédito utilizado) todos os gastos do mês com compras, restaurantes, etc. Assim, você não precisa “procurar” cada lançamento em seu extrato bancário;

4) Parcelamento de compras: Quando disponibilizado pela loja, as compras no cartão de crédito podem ser parceladas sem juros. Você pode parcelar diretamente pelo cartão, independente da loja, porém há juros nessa operação. Informe-se com seu gerente sobre esses juros;

5) Segurança: O cartão de crédito pode ser bloqueado com uma simples ligação em caso de perda/roubo e os bancos têm investido, cada vez mais, em soluções de segurança para evitar fraudes no cartão. Quando você sai com dinheiro na mão, caso perca ou seja roubado, não tem volta;

6) Benefícios: As bandeiras (Visa, Mastercard, Elo, American Express, Good Card, Hipercard, etc) possuem benefícios próprios na utilização de seus cartões. Informe-se junto ao cartão.

Cuidados:

1) Pagamento menor do que o total: MUITO CUIDADO! A fatura do cartão de crédito existe para ser paga em sua totalidade. Quando o pagamento não é total, os juros são altos. Caso não tenha como pagar tudo, verifique que opções tens para parcelar a fatura ou buscar um crédito mais barato para esse pagamento;

2) Postergar/parcelar não significa desaparecer: Ainda dentro do cuidado acima, tenha em mente que, postergar o pagamento não significa que ele não precisará ser pago. Assim, não adianta “jogar” no cartão de crédito as despesas que você não tem como pagar, pois essa conta virá, no máximo, no mês que vem;

3) Anuidade: Informe-se sobre os custos de anuidade de seu cartão e sobre os critérios de cobrança e isenção. Uma anuidade muito cara pode ser incompatível com as vantagens do cartão.

Ficou alguma dúvida? Quer contar sua experiência? Entre em contato ou utilize os comentários.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *