Sistema Financeiro Nacional

Prezado leitor,

Você sabe o que é o Sistema Financeiro Nacional?

Hoje vamos abordar esse assunto, pois, além de conhecer a relação dos bancos com os clientes, precisamos entender seu lugar na economia.

O que é um banco? Os bancos fazem parte do Sistema Financeiro Nacional – SFN, que é responsável por fazer a intermediação financeira entre poupadores (quem tem dinheiro guardado) e os tomadores (quem pega dinheiro emprestado).

Existem vários tipos de bancos, conforme os tipos de serviços oferecidos: os comerciais, que são os que aceitam depósitos de seus clientes (Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Itaú, etc), bancos de investimento, caixas econômicas, cooperativas de crédito, etc. Um mesmo banco pode fazer parte de mais de um tipo ao mesmo tempo.

O SFN é composto, basicamente, conforme abaixo:

Órgãos Normativos:

Conselho Monetário Nacional – CMN: Autoridade máxima do SFN, composto pelos Ministros da Fazenda e Planejamento, bem como pelo Presidente do Banco Central. O CMN determina as regras de funcionamento de todo o sistema financeiro.


Conselho Nacional de Seguros Privados – CNSP: É composto pelo Ministro da Fazenda, representante do Ministério da Justiça,
representante do Ministério da Previdência Social, Superintendente da Superintendência de Seguros Privados,
representante do Banco Central do Brasil e representante da Comissão de Valores Mobiliários. Regulamenta a profissão de corretor e todos os produtos de seguridade comercializados (Seguro de Vida, Seguro de Carro, Capitalização, Seguro Residencial, planos abertos de Previdência Privada, etc).

Conselho Nacional de Previdência Complementar – CNPC: Órgão que faz parte do Ministério da Previdência Social e é responsável por regular os planos fechados de previdência complementar (quando, por exemplo, a empresa tem um plano para seus funcionários).

Entidades Supervisoras

Banco Central do Brasil – BACEN: Responsável, entre outras coisas, pela
emissão das notas e moedas (através da Casa da Moeda) e pela regulação dos bancos e onde fica o
COPOM (Comitê de Política Monetária, responsável por estipular a taxa
SELIC a cada 45 dias)
 
Comissão de Valores Monetários – CVM: Responsável pela regulação do Mercado de Capitais

Superintendência de Seguros Privados – SUSEP: Supervisiona o mercado de seguros conforme normas do CNSP

Superintendência Nacional de Previdência Complementar – PREVIC: Regula os planos fechados de previdência complementar, conforme normas do CNPC

Operadores: Bancos, Corretoras de Valores Mobiliários (negociam no mercado de capitais), Corretores de Seguros, Bolsas de Valores e todos os demais componentes do Sistema Financeiro Nacional regulados pelos órgãos acima.

Espero que após essa leitura, tenha ficado um pouco mais claro o contexto nos quais os bancos estão inseridos. Ficou alguma dúvida? Entre em contato

Quer ficar sempre por dentro das novidades do blog? Cadastre seu e-mail ao lado e receba as postagens.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *