Suas finanças são fruto de suas escolhas

EscolhasExistem 1001 receitas prontas para melhorar suas finanças e realizar seus sonhos. Algumas boas, outras ruins. Algumas poderão servir para você, mas não para outra pessoa. Uma coisa, contudo, todas elas, bem como as teorias financeiras acadêmicas tem em comum: Baseiam-se em escolhas.

Todos os dias fazemos escolhas financeiras, que podem ser conscientes ou não. Ao decidirmos o restaurante no qual vamos comer, estamos fazendo uma escolha que envolve nosso prazer (boa comida), saúde (comida saudável) e dinheiro (diferença de preço entre as opções). Fazemos escolhas também em nossos momentos de lazer, na escolha de ter ou não TV a cabo, um celular mais completo, etc.

Essa é a parte fácil e que fazemos quase que de forma automática. O desafio é pensar no que abrimos mão ao tomarmos nossas decisões.

Lembre-se do quão importante é termos um objetivo para guardarmos dinheiro. Pode ser a compra de um bem (desde uma geladeira até um imóvel), uma viagem, aposentadoria, reserva para emergências, etc. Cada escolha que fizermos tem que levar em conta esse objetivo. Será que em razão do almoço/janta em um restaurante caro vale a pena adiarmos uma viagem? E não há problema nenhum se você preferir o restaurante. Mas é importante ter consciência do que significa esse gasto em relação ao seu objetivo.

Veja a imagem abaixo, onde uma pessoa tem R$ 1.400,00 para gastar, está em dúvidas entre um vídeo game e um computador e alguém sugere que ele reboque a parede, que está com o tijolo à vista.

WhatsApp Image 2017-08-30 at 12.17.44

Quais são as prioridades dele? Pode ser que o sonho seja ter o equipamento e rebocar a parede não seja importante. O problema ocorre caso ele tenha vontade de rebocar a parede, mas reclame que não tem dinheiro para isso.

Ao trazermos isso para o nosso dia a dia, veremos que muitos sonhos e projetos são adiados, ou acabamos nos endividando, por não avaliarmos o impacto de nossas escolhas financeiras. Tomamos muitas decisões por impulso, podendo gerar arrependimentos futuros.

DICA DO CONSULTOR

Defina suas prioridades e coloque-as em escala. Atividades de lazer também podem estar nessa lista. Ao definir suas prioridades, e considerá-las no momento de suas escolhas, você tomará melhores decisões e atingirá mais rapidamente ses objetivos financeiros.

Até a próxima e boas escolhas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *